Notificação compulsória dos agravos relacionados ao trabalho no SINAN passa a ser universal no RS

Foi ampliado a lista de agravos relacionados ao trabalho que devem ser notificados no SINAN.


A partir de 20 de outubro, no Rio Grande do Sul, os agravos relacionados ao trabalho, que anteriormente deveriam ser notificados em unidades sentinelas, passaram a ser de notificação compulsória universal no SINAN, ou seja, por todos os profissionais e estabelecimentos de saúde. 

Dessa forma, além dos Acidentes de Trabalho (independente da gravidade), dos casos de Acidentes de Trabalho com Material Biológico, das Intoxicações Exógenas e os casos de Violência Relacionada ao Trabalho, passou a ser compulsória a notificação dos casos de: Câncer Relacionado ao Trabalho, Dermatoses Ocupacionais, LER/DORT, Perda Auditiva Induzida pelo Ruído (PAIR) relacionada ao trabalho, Pneumoconiose relacionada ao trabalho e Transtornos Mentais Relacionados ao Trabalho. 

Para saber mais, acesse a Nota Técnica CEVS/DVST 01/2020:

nota_tecnica_01-2020_notificacao_de_agravos.pdf

« Voltar